roda 3D.jpg

A nossa história

A IMPRESA nasceu com o Expresso, cresceu com a SIC e é hoje um universo. Diariamente, produz 8 canais (SIC, SIC Internacional, SIC Notícias, SIC Radical, SIC Mulher, SIC K, SIC Caras, Txillo) e o maior jornal do País, o Expresso, líder de vendas.

Em 2020, contactaram diariamente com a SIC mais de 4 milhões e 700 mil telespetadores em Portugal. Os canais temáticos da SIC foram, dentro dos grupos de canais portugueses, os mais vistos em 2020. Todos os dias, assistiram à SIC Notícias, SIC Radical, SIC Mulher, SIC Caras e SIC K mais de 2 milhões e 600 mil telespetadores.

Em 2020, o Expresso foi o jornal mais vendido em Portugal, com uma média superior a 97 mil exemplares e foi o jornal que conquistou o maior número de assinantes digitais (dados APCT, jan-set 2020). O Expresso é o jornal mais vendido em Portugal desde 2017, mas em 2020 somou recordes de vendas, tendo alcançado em setembro a sua melhor média mensal de circulação paga, acima dos 116 mil exemplares, batendo um recorde de oito anos.

Os sites do grupo IMPRESA recebem uma média de 39 milhões de visitas por mês.

O grupo IMPRESA é a empresa de comunicação social portuguesa com o maior número de canais de televisão a emitir além-fronteiras: 7.

A SIC Internacional chega a 10 milhões de telespetadores em todo o mundo através dos sistemas de cabo, satélite e IPTV. O canal é distribuído em França, Suíça, Luxemburgo, Andorra, Alemanha, EUA, Canadá, Brasil, Austrália, Moçambique e Cabo Verde.

A SIC Notícias está presente em França, Andorra, Suíça, Luxemburgo, EUA, Canadá, Moçambique e Cabo Verde. A SIC Mulher, a SIC Radical e a SIC K são vistas em Angola e em Moçambique. Em Cabo Verde a SIC Mulher, a SIC Radical SIC K e a SIC CARAS, e o Txillo está presente em Angola e Moçambique, este último em exclusivo.

No total, os canais SIC chegam a 12 países, através de 42 operadores.

Através do Opto é possível ver a SIC Internacional e a SIC Notícias em todo o Mundo. Basta ter um dispositivo com ligação à internet.

CRONOLOGIA IMPRESA

1972

Francisco Pinto Balsemão cria a Sojornal, a semente do que é hoje o Grupo IMPRESA.

1973

A 6 de janeiro, é fundado o jornal Expresso, que desde logo se afirma como uma das referências da sociedade portuguesa.

1975

É fundada a VASP para distribuir o Expresso.

1984

A 6 de novembro, nasce o jornal Blitz, dedicado ao universo musical.

1987

É lançado o Prémio Pessoa, uma iniciativa do Expresso, que visa reconhecer a criatividade dos portugueses com papel significativo na vida cultural e científica do país.

1989

É constituída uma “joint-venture” com o grupo brasileiro Abril, dando origem ao nascimento da primeira revista de negócios em Portugal – “Exame” –, marcando a entrada do Grupo IMPRESA na área de revistas.

1992

A 18 de julho, o Expresso passa a ser distribuído com um saco de plástico destinado a facilitar o transporte.

A 6 de outubro, arrancam as emissões da SIC, o primeiro canal de televisão privada em Portugal, ocupando a posição 3 na grelha de canais.

1997

A SIC Internacional inicia as emissões a 17 de setembro, com o objetivo de chegar à vasta comunidade portuguesa espalhada por todo o mundo.

A 4 de outubro, o Expresso lança o seu site Expresso.pt.

2000

A 6 de junho, a IMPRESA é admitida na Bolsa de Valores de Lisboa, tendo sido o primeiro grupo de comunicação social cotado na bolsa em Portugal.

Nasce a GESCO - Gestão de Conteúdos e Meios de Comunicação Social, S.A. A sua principal atividade é a gestão integrada de arquivos e centros de documentação e informação.

2001

A 8 de janeiro, nasce a SIC Notícias, o primeiro canal de notícias 24 horas em direto e em português.

A 23 de abril, é lançada a SIC Radical.

A 23 de Maio fica online o primeiro site da SIC. A página www.sic.pt juntava informação e entretenimento.

2003

A 8 de março, surge um novo canal temático: a SIC Mulher, no Dia Internacional da Mulher.

A 15 de março, o Expresso sai das suas instalações na Rua Duque de Palmela, onde nasceu, para o atual edifício IMPRESA.

Nasce a marca Boa Cama Boa Mesa, publicando um guia anual especializado na produção de conteúdos sobre restaurantes, hotéis e experiências de lazer.

A 6 de outubro, nasce a SIC Esperança, Instituição Particular de Solidariedade Social de utilidade pública, transversal a todas as empresas do grupo IMPRESA.

É fundado o site Olhares, uma comunidade online de fotografia que é considerado o maior portal de fotografia em língua portuguesa do mundo.

2006

A 20 de junho, a Blitz passa para o formato de revista.

Foi criada a GMTS, como prestadora de serviços técnicos televisivos.

2007

A IMPRESA integra uma nova marca no seu portefólio: a InfoPortugal, uma empresa tecnológica especialista em Sistemas de Informação Geográfica (SIG) e Soluções de Turismo e Lazer.

2009

A SIC inicia a internacionalização dos seus canais temáticos.

A 18 de dezembro, nasce a SIC K.

2011

A 21 de novembro, a novela da SIC “Laços de Sangue” é premiada com um Emmy Internacional na categoria de Novelas.

2012

A 23 de julho, a IMPRESA anuncia um novo modelo de gestão para o grupo: Francisco Pinto Balsemão assume o cargo de chairman e Pedro Norton é o novo CEO.

2013

A 6 de dezembro, a SIC lança o quinto canal temático: SIC Caras.

2014

A 6 de maio, o Expresso lança o Expresso Diário, um jornal diário online.

A 17 de novembro, a SIC cria um canal especificamente dedicado às crianças e famílias africanas de língua portuguesa – DSTV Kids.

2015

Em janeiro, o Expresso aposta no Expresso Curto, uma newsletter diária.

2016

A 6 de março, Francisco Pedro Balsemão assume a liderança executiva da IMPRESA, tornando-se CEO.

A 20 de abril, as telenovelas da SIC, “Coração d’Ouro” e “Mar Salgado”, conquistam as medalhas de ouro e bronze, respetivamente, na categoria Telenovela, na gala de prémios do New York Festival’s World’s Best TV & Films℠, em Las Vegas. Foi a primeira vez que telenovelas portuguesas foram finalistas neste festival.

A 12 de agosto, nasce a Tribuna, um site de desporto com a identidade do Expresso.

2017

A 6 de março, a SIC reforça a venda de conteúdos no mercado internacional, lançando o site Content Distribution.

2018

Em janeiro, a Blitz abandona o formato papel passando a plataforma digital inserida no jornal Expresso.

O Grupo IMPRESA vende as suas publicações – “Activa”, “Caras”, “Caras Decoração”, “Courrier Internacional”, “Exame”, “Exame Informática”, “Jornal de Letras”, “Telenovelas”, “TV Mais”, “Visão”, “Visão História” e “Visão Júnior” – à sociedade Trust in News.

A 17 de novembro, a DSTV Kids sofre um rebranding e passa a chamar-se Txillo.

2019

A 5 de janeiro, o Expresso passa a ser distribuído com um saco de papel.

A 28 de janeiro o portefólio da IMPRESA alarga-se: Volante SIC é a marca de informação automóvel mais completa do mercado nacional e que dá a conhecer as novidades do mercado e as notícias relevantes sobre o setor.

A 6 de fevereiro, é concluído o processo de centralização de todas as marcas e colaboradores do grupo num só espaço: o Edifício IMPRESA, em Paço de Arcos.

2020

A 7 de julho, com o objetivo claro de prestar um serviço à medida das empresas, nasce o Atelier IMPRESA, que desenvolve estratégias de comunicação assentes em conteúdos criativos.

A 24 de novembro nasce uma nova forma de ver a SIC: OPTO. Sempre pioneira, a IMPRESA diversifica o seu portfólio de marcas e aposta numa plataforma streaming, com um serviço pago e conteúdos exclusivos.

A 18 de dezembro nasce uma nova marca do universo SIC, a ADVNCE, em multi-formatos e com o objetivo de agregar e amplificar a comunidade nacional do E-Sports e Gaming.


Clique para consultar a Política de Privacidade do site.